spacer.gif

VER ENCARTE
 

Que nem um perfume caro, andava trancafiado, e, na primeira amostra, só esbanjou qualidade. Assim, ou quase assim, é a boa impressão que nos causa o disco "Eu venho vagando no ar" – bem dizer, uma cacimba de verdade autônoma – produzido, cantado e respirado pelo brasiliense Túlio Borges.

Músico, poeta, compositor e cantor de primeira plaina, Borges chega devagarzinho e já nos mata a sede de talento e bom intérprete na música brasileira. Poesia, virtuosismo, inovação, graça, refinamento e acima de tudo um toque benfazejo e de sonoridade rara, são itens salientes no trabalho do poeta, que, logo na capa, nos remete a um ventinho deflorador de madrugada.

E lá vem ele vagando no ar...                                      

 
 

ficha técnica

1. Pontos
(Domínio público)

Túlio Borges: voz e sinos
Randesmar e Dona Inácia: voz
Amoy Ribas: percussão


2. Trem
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Rafael dos Anjos: violão
Fernando César: violão de 7
Pedro Vasconcellos: cavaquinho
Toninho Ferragutti: acordeon
Leander Motta: percussão

3. Zorro
(Túlio Borges / Vytória Rudan)

Túlio Borges e Vytória Rudan: voz
Marcus Moraes: violão
Jorge Cardoso: bandolim
Toninho Ferragutti: acordeon

4. Shirley
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz e violão
Genil de Castro: guitarra
Oswaldo Amorim: baixo
Sandro Araújo: bateria

5. Birosca
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Rafael dos Anjos: violão
Fernando César: violão de 7
Pedro Vasconcellos: cavaquinho
Leandro Braga: piano
Ademir Júnior: clarineta
Leander Motta: bateria e percussão

6. Altar 
(Túlio Borges)

Túlio Borges e Fred Martins: voz
Rafael dos Anjos: violão
Leandro Braga: piano
Oswaldo Amorim: baixo
Sandro Araújo: bateria

7. Toca aí
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Rafael dos Anjos: violões


8. Sua 
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz e piano
Toninho Ferragutti: acordeon

9. Paraty
(Vytória Rudan / Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Rafael dos Anjos: violão
Fernando César: violão de 7
Pedro Vasconcellos: cavaquinho
Leander Motta: percussão


10. Cicatriz
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Leandro Braga: piano


11. Oi - Rio demais
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz
Rafael dos Anjos: violão
Fernando César: violão de 7
Pedro Vasconcellos: cavaquinho
Ademir Júnior: clarineta
Yuri Zuvanov: trompa
Amoy Ribas: pandeiro


12. Eu venho vagando no ar
(Túlio Borges)

Túlio Borges: voz e efeitos
Rafael dos Anjos: violão
Davi Abreu: pífano

 

Produzido por Túlio Borges
Arranjos por Túlio Borges e músicos,
exceto Toca aí (Rafael dos Anjos)
Gravado entre 2007 e 2009, nos estúdios
Zen Records e Beta (Brasília)
Mixado por Daniel Félix, no estúdio MixRuts (DF)
Masterizado por Carlos Freitas, no estúdio Classic Master (SP)
Fotos de Pavel Hórak
Encarte por Fabrício Olivieri

Abril/2010